Grito Rock em Palmas, programação e entrevista com a banda Sã Consciência

15 abr

22112015-IMG_9837

Este fim de semana tem mais festival de música em Palmas. Isso é bom? Não, isso é ótimo! Principalmente porque mais uma vez a gente vai ter a oportunidade de assistir mais shows de graça, participar de oficinas e ainda estar junto com toda a galera. E desta vez, pra felicidade geral da nação, a capital recebe o Grito Rock na Universidade Federal do Tocantins com apresentações nestes sábado, 16, e domingo, 17.

O festival colaborativo que nasceu em 2007 pelas mãos da galera do Fora do Eixo, em meio a uma eferverscência da cena cultural independente do País, rolou algumas vezes em Palmas e sempre foi de graça. Desde que foi criado o evento já rolou em mais de 300 cidades em vários países da América Latina, América do Norte, Europa e África.

Por aqui, lembro que o Grito Rock sempre teve edições em pleno carnaval trazendo uma programação diversificada e ampla pra galera ter uma alternativa ao que rolava no mainstream.

Como parte de sua formatação, o legal do Grito Rock é que qualquer produtor cultural pode inscrever sua cidade e sediar o evento. Por ter esse conceito colaborativo, a cada ano, produtores de todo o país compartilham experiências e fortalecem a cadeia produtiva da música local, ao mesmo tempo em que criam conexões com o resto do mundo.

Através do site Toque no Brasil as bandas podem se inscrever pra participar do evento e participam de uma seletiva. As escolhidas se apresentam no evento que pode também, convidar artistas de fora pra tocar. No fim, é tudo muito ótimo, todo mundo participa e o público super sai ganhando.

Este ano, sete bandas sobem ao palco do evento no primeiro dia de Grito Rock. As apresentações começam amanhã, às 18h, no Campus da UFT com show da banda Sra. Uisque, e se encerram  à 00h a galera da Toca Blues.  Porém, as oficinas rolam a partir das 16h!

No domingo, com um line-up mais pesado, seis bandas se apresentam a partir das 17h. Os shows terminam mais cedo, às 22h com a galera do Vocifer.

Enfim, são dois de muita música, com bandas locais e de fora do TO mandando os mais diferentes sons pra galera curtir. E como sempre, pra fazer aquela esquenta básica o Blog conversou com uma das bandas que está na programação, o grupo de rap, Sã Consciência (GO). Se liga na entrevista, dá o play no som dos caras e já entra na vibe!

Blog da Ciça: Me expliquem, musicalmente falando, o que é o Sã Consciência e quem são os artistas que compõem o grupo?
Sã Consciência: Musicalmente falando,  somos um grupo de Rap que desde o lançamento do nosso EP ”Completamente Sã” , temos buscado novas referências musicas e estilos diferenciados de se fazer música. Isto está bem explícito no novo álbum, intitulado ‘Loucos Santos Delinquentes’. Este trabalho tem a produção musical do nosso produtor musical Pamonha Beats, juntamente com parcerias de peso como Neguim, Victor e JP que trabalharam em faixas um tanto mescladas juntando a velha pegada do rap com novas tendências musicais, como Trap, Chill e Miami Bass. Os MC’s tem grande participação também compondo conforme seus estilos próprios. O Vidal com seus vocais melódicos e ‘repados’, assim por dizer, o Chavero com suas rimas quebradas e o Erock com toda sua musicalidade e expressão nos versos. Os sons trabalhados abordam temas cotidianos como complexidade em entender os problemas, mas também passamos uma solução como mensagem. E também tem muita descontração e diversão nas faixas. Na formação, contamos com o Dj Big Sérgio, que vem cada vez mais se destacando pelo estilo único de fazer scratches e live performances, com a doce voz de Aline Fernandes nos shows, que por sua vez, é a backing vocal da Sã, os Mcs Erock, Vidal e Chavero, e o Pamonha, produtor musical que realiza as gravações e instrumentais. Temos também uma completa equipe de audiovisual, produção executiva e marketing, todos amigos que se juntaram pra viver de um sonho. Somos a Sã-Consciência, somos #LoucosSantosDelinquentes!

Blog da Ciça: Como se iniciou esse grupo e como tem sido essa jornada até então?
Sã Consciência: O grupo está entrando no quinto ano de estrada. Mas desde outubro do ano passado tivemos um ponto ímpar na nossa vida que meio que definiu o que seria a Sã-Consciência. Tudo aconteceu logo após a saída de um dos nossos integrantes, Pervin, que por motivos pessoais achou melhor seguir por outro caminho. Depois disso sentimos a necessidade de um maior esforço e união entre todos que trabalham com a Cápsula Crew. Alguns dias depois da saída dele,  já estávamos lançando um novo single ‘Cicatrizes’, com participação da Aline Fernandes e ao mesmo tempo estávamos na fase final de criação do nosso tão sonhado CD, ‘Loucos Santos Delinquentes’. Hoje a Sã Consciência é feita de ‘Three Mc’s and One DJ!!’ (pra quem se lembra dos Beastie boys haha), que são, Erock, Chaveiro, Vidal e DJ Big e ainda o nosso produtor musical Pamonha Beats fora toda a equipe da Cápsula Crew, nossa produtora independente que trabalha todos os dias para que o som chegue da melhor forma aos seus ouvidos, vale ressaltar que a Cápsula Crew é a alma da Sã-Consciência !

Blog da Ciça: Vocês estão lançando o primeiro disco do grupo neste primeiro semestre, na opinião de vocês, como foi e está sendo o resultado do trabalho?
Sã Consciência: O processo de produção do primeiro álbum foi bem árduo, o que levou aproximadamente um ano e meio de trabalho contínuo para que hoje tivéssemos esse lindo material proliferando  nas ruas. Nós nos ‘internamos’ no estúdio para que tudo saísse perfeitamente conforme nosso gosto musical, e, além disso, tivemos a honra de contar com participações mais que especiais no CD como Gasper, Atentado Napalm, Aline Fernandes, Diego Kep, Ras Tibuia, Yohann Rodriguez, Perseu FZ, Mortão VMG, Ápice e Adonai MC. O resultado de tudo isso está sendo muito gratificante, pois esse corre está sendo reconhecido por diversas partes do país e cada vez novas pessoas estão se tornando adeptas ao ideal ‘Loucos Santos Delinquentes’, que é o que pregamos nas músicas e no dia-a-dia. E o que esperamos de tudo isso é a expansão do material e que esse trabalho chegue aos ouvidos do máximo de pessoas possíveis! E assim seguimos trabalhando!

Blog da Ciça: Este novo trabalho está disponível online, uma maneira de democratizar o acesso a esse trabalho. A banda também está envolvida com projetos culturais na cidade de Goiânia, organizando batalhas de Mc’s, outra maneira de ajudar na democratização da música. Enquanto isso, a cena independente, formada pelos artistas e os festivais também tenta sobreviver. Como vocês veem esse movimento hoje no País? O que impede que grupos e bandas como o Sã Consciência consiga levar de fato sua música para o público, desde o mais específico, até o mais variado?
Sã Consciência: Olha, a Sã-Consciência sempre foi uma banda focada em fomentar a cultura na nossa city. Sempre preocupamos muito com o crescimento do movimento Hip Hop que só aumenta a cada dia que passa, a internet hoje em dia é uma porta pra quem quer mostrar seu som para o mundo, mas ainda é uma ferramenta que tem uma má utilização na mão de vários. Navegar sua mensagem no mundo sem fronteiras que é a internet ainda é, é uma tarefa bem difícil, mas estamos a alguns anos aprendendo utilizá-la. Achamos sempre muito importante manter o contato na rua, pois o rap ainda é movimento de rua e pra gente não adianta só movimenta internet se não tiver movimentando a rua. Precisamos saber utilizar as ferramentas de comunicação em equilíbrio e assim levaremos todo nosso sonho a todos os cantos do mundo, ‘Buscando algum rumo que faça sentido’ #LSD

Blog da Ciça: É a primeira vez de vocês em Palmas? Como está a expectativa para o Grito Rock?
Sã Consciência: Estamos muito ansiosos pra tocar em Palmas. Vários manos já vem trocando uma ideia conosco, sempre dizendo que curtem muito nosso trabalho,  e isso é sempre um combustível a mais pra gente chegar e fazer o nosso melhor. Chegar em Palmas e ainda poder tocar em um festival como o Grito Rock é realmente algo ‘Do caralho’.  O que podemos dizer pra vocês é que vai ser um show mais que especial e quem for não vai se arrepender. Loucos Santos Delinquentes!

Ficou com vontade? Se liga aí!

Serviço:
O que é: 14ª Grito Rock
Onde: Campus da UFT Palmas
Quando: Sábado e Domingo
Quanto: DE GRAÇA!

11218869_789230637876289_7724408683820628812_n

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta